Horário de visitas:
  • Alas “A”, “B”, “C”, “D” e emergência: 14h às 16h – 2 visitas alternadas;

  • UTI Pediátrica: 16h30 às 17h – 2 visitas alternadas;

  • UTI Adulto: 15h às 15h30 – 2 visitas juntas e 19h30 às 20h – 2 visitantes;

  • Obs: Para pacientes em isolamento, apenas 1 visitante por horário.


    Orientações Gerais:
  • Os acompanhantes e visitas fazem bem à saúde do paciente e auxiliam na identificação das suas necessidades e alterações do seu quadro.

  • São seus deveres:
  • Permanecer junto ao paciente, mesmo quando ele estiver em repouso;

  • Troca de acompanhantes: 09h às 10h e 18h às 19h, com cadastro obrigatório na recepção.

  • Quando for auxiliar nos cuidados com o paciente, pedir paramentação (capotes, luvas, máscaras, etc.) e, após o uso, desprezar os capotes no hamper do funcionário (que se encontra próximo à porta da enfermaria) e as máscaras no lixo;

  • Não molhar punções venosas e curativos na hora do banho e não desconectar em hipótese alguma os soros e medicamentos. Se isto ocorrer acidentalmente, comunicar imediatamente a enfermagem;

  • Não tocar nos aparelhos e equipamentos em uso (bomba de infusão, monitor, ventilador, soro, etc.);

  • Manter a cama do paciente organizada e limpa;

  • Incentivar o paciente quanto ao uso dos medicamentos, conforme orientação do médico;

  • Avisar a enfermagem quando: término do soro, antes que o mesmo acabe,alterações do paciente como febre, dor, falta de ar, vômitos, enfim, qualquer anormalidade durante a internação;

  • Seguir orientação da enfermagem quanto ao jejum para os exames.

  • Observações:

  • A necessidade de acompanhante para pacientes maiores de 18 anos e adultos será avaliada pela equipe multiprofissional diariamente.

  • O acompanhante deverá ser maior de 18 anos e de preferência do mesmo sexo do paciente em condições físicas e mentais.

  • A autorização para acompanhante poderá ser suspensa sempre que necessário.

  • Medidas de Segurança:

  • Acompanhante e visitante deverão portar seu adesivo de identificação enquanto permanecer no hospital;

  • Não é permitida a troca de identificação entre acompanhantes de outros leitos;

  • Quando sair do hospital, o visitante/acompanhante deverá devolver sua identificação à recepção;

  • Não será permitida a entrada de menores de 16 anos para visita, exceto em situações previamente avaliadas com o setor de psicologia;

  • É terminantemente proibido o fluxo de acompanhantes e visitantes no hospital, sendo obrigatória a permanência em tempo integral junto ao paciente;

  • No caso de paciente reeducando internado, visitas somente com autorização da penitenciária.

  • Proibições:

  • Não usar trajes inadequados, tais como: roupas curtas, mini blusa, transparências, shorts e outros. É terminantemente proibido o acompanhante ou paciente permanecer no hospital com trajes íntimos;

  • Não é permitida a troca excessiva de intimidades entre casais nas dependências do hospital;

  • Não é permitido fumar, consumir ou circular sob efeito de bebida alcoólica;

  • Não é permitido acompanhante alcoolizado ou drogado;

  • É proibido lavar roupas nos banheiros da unidade.

  • Higiene pessoal e do ambiente:

  • Manter sobre o criado somente objetos que vieram da cozinha do hospital;

  • Os acompanhantes devem desprezar as eliminações do paciente (fezesT, urina) no vaso sanitário imediatamente após o uso. Pedir a troca deste recipiente diariamente ou sempre que necessário;
  • Dar descarga no vaso sanitário sempre que necessário, mantendo-o limpo;

  • Comunicar à equipe de enfermagem quando a limpeza da enfermaria não estiver satisfatória;

  • Não sentar ou deitar na cama do paciente;

  • Lavar as mãos antes e após os cuidados com o paciente; As roupas de cama serão trocadas a cada 24 horas ou quando for necessário;

  • Guardar pertences pessoais no armário da enfermaria, nunca sobre a cama, na janela, equipamentos, ou no criado ao lado da cama;

  • Não fixar papel ou esparadrapo nas paredes ou na cama;

  • Não jogar lixo no pátio de enfermagem (toco de cigarro, papel, restos de alimentos, etc).

  • Silêncio no hospital:

  • Evitar falar muito alto em celulares ou em conversas nas enfermarias.

  • Os televisores das enfermarias devem permanecer em volume baixo e após as 22h serão desligados.
  •