Diretoria do HDT promove aproximação com os colaboradores

14 de NOVEMBRO de 2017

A excelência na gestão de pessoas vem se tornando um diferencial mais que necessário para quaisquer organizações, sejam elas públicas, privadas, com ou sem fins lucrativos. Este fato se define claramente pela época que estamos vivendo, da busca e retenção de colaboradores competentes, profissionais e que saibam trabalhar em equipe. Ao longo de seus mais de 17 anos de história, o Instituto Sócrates Guanaes (ISG) tem centralizado suas forças em formar colaboradores cada vez mais preparados e empáticos com a prestação de seu serviço.

Uma unidade de saúde que possua colaboradores que se encaixam nesse perfil, está a passos largos caminhando para a prestação de uma assistência a seus pacientes de forma mais qualificada, preparada e humana. No Hospital de Doenças Tropicais dr. Anuar Auad (HDT), unidade gerida pelo ISG em Goiânia, essa realidade é facilmente encontrada. Em meio às dificuldades impostas pelo dia a dia é muito fácil encontrar colaboradores que dão o exemplo de como servir e cumprir com maestria sua missão de salvar vidas.

Percebendo este viés e buscando inserir cada vez mais esses colaboradores tão importantes para a prestação qualificada da assistência, a diretoria geral da unidade criou o programa “A diretoria quer ouvir você”’, que consiste na realização de diversas ações voltadas para o estabelecimento de um canal de comunicação de todos os colaboradores da unidade, independente de área de atuação, com a diretoria. Empoderar cada colaborador e torná-lo peça fundamental nas rotinas e processos da instituição é o principal foco, demonstrando claramente a relevância da atuação de cada um.

O projeto teve na noite da última terça-feira, 07 de novembro, uma fase muito importante. No auditório da unidade, todos os técnicos de enfermagem do período noturno que estavam na escala do plantão participaram de um ‘Café com a diretoria’, no qual estavam presentes a diretora geral, Aline Oliveira, o gerente administrativo, Antônio Jorge, a coordenadora de Gestão de Pessoas, Priscila Barcelos, o coordenador de suprimentos, Jessé Chineles, o coordenador de comunicação Igor Guimarães e a chefe de gabinete da unidade, Daniela Honorato.

Recepcionados com um coffee break, os profissionais foram convidados de maneira individual e com convite personalizado para participar do evento. Durante mais de uma hora e meia, expuseram todas as suas opiniões e sugestões de melhorias. À medida que os pedidos iam sendo feitos, cada um dos membros da equipe de apoio administrativo anotava a solicitação para que as possíveis providências fossem tomadas.

Várias sugestões foram feitas à diretora Aline Oliveira e sua equipe de apoio. Pontos envolvendo estrutura física, equipamentos, materiais, recursos humanos foram levantados e amplamente discutidos com cada um dos técnicos ali presentes.

Ao todo, 17 técnicos de enfermagem participaram do “Café com a diretoria”. Animada com a ação, a técnica de enfermagem Kelly Cristini disse nunca ter participado de um momento em que pudesse expor suas opiniões para alta gestão: “Já tive a experiência de trabalhar em várias outras unidades de saúde ao longo de minha vida profissional e nunca tinha participado de nada parecido assim. Hoje considero que tivemos aqui no HDT uma noite histórica. A diretora Aline Oliveira nos ouviu, nos deu atenção e juntamente com sua equipe quis saber de todos os detalhes que consideramos importantes para desempenhar melhor nossa função. O hospital está de parabéns e torcemos por mais ações assim”, finalizou.

Segundo a diretora geral da unidade, Aline Oliveira, a ação é apenas uma dentre várias outras que o projeto trará: “É impossível falarmos na qualidade da assistência de uma unidade de saúde sem levar em conta as condições de trabalho dos técnicos de enfermagem. Essa classe é composta por colaboradores heróis, comprometidos e que dedicam suas vidas a cuidar dos outros. Na noite de hoje ouvimos cada um dos pontos que eles consideravam importantes e através da presença da equipe administrativa de apoio podemos garantir que cada um deles será analisado para que os planos de ação e correção de possíveis necessidades seja feito. Teremos ainda várias outras ações de contato com os colaboradores, de modo a efetivar cada vez mais a cultura de que aqui no HDT e em todas as unidades geridas pelo ISG cada colaborador tem voz. Somos um time unido para salvar vidas e é isso que vamos sempre fortalecer”, disse.





ÚLTIMAS NOTÍCIAS