ISG Saúde - Instituto Sócrates Guanaes | isgsaude.org 

HRLN alcança mais de 27 mil exames executados, ajudando pacientes da Covid -19 e reduzindo filas na região

09 de DEZEMBRO de 2020

Por Thaís Almeida


O Hospital já tratou mais de 320 pessoas com suspeita ou diagnóstico confirmado da Covid-19, e é hoje a unidade estadual do Vale e Litoral com mais leitos ocupados por pacientes da doença

 

O Hospital Regional do Litoral Norte alcançou neste mês mais de 27 mil exames já realizados (desde a sua abertura em 30/03 a 30/11) – sendo desses cerca de 26 mil de imagens e laboratoriais para pacientes suspeitos ou confirmados de Covid-19 e mais de 1700 exames de média e alta complexidade oferecidos pelo setor de Apoio Diagnóstico Terapêutica (SADT) para as cidades da região, reduzindo filas de espera.

Entre os exames mais realizados estão: 25.244 exames laboratoriais, 804 exames de raios-x, 457 tomografias, 350 mamografias e 247 ressonâncias.

 “A espera para realização de um exame de alta complexidade em regiões como a nossa chega há um ano ou mais. Mas, hoje com o Hospital Regional do Litoral Norte estamos conseguindo reduzir essas filas e ajudar a população. Recebemos muitos pacientes que esperavam há mais de um ano para realização de uma ressonância por exemplo, e aqui conseguimos oferecer o exame de alta qualidade, com aparelhos top de linha, e tudo isso sem o paciente enfrentar longas viagens. Antes era muito comum pacientes do Litoral serem encaminhados para São José dos Campos ou Taubaté para realização desses exames”, explicou Reinaldo da Silva, técnico de radiologia do HRLN.

“Ficamos felizes em oferecer esse serviço para a população do Litoral Norte. Em setembro, abrimos o nosso SADT e desde então passamos a disponibilizar exames para as unidades de saúde da região, um público externo, já que antes oferecíamos apenas para os pacientes da Covid-19 – internados na unidade. Contamos com equipamentos de ponta, como um tomógrafo que possui mais de 128 canais, ou seja, mais rápido e com melhor definição, e também uma máquina de ressonância magnética 1.5 T, que cria imagens fundamentais para um diagnóstico rápido e com mais conforto ao paciente. Com essas tecnologias e a dedicação das nossas equipes, com certeza ajudamos na saúde e bem-estar da população caiçara”, comentou o Gustavo Cursino, Diretor Executivo do HRLN.

Atualmente, o setor de SADT do Hospital oferece ecocardiograma transtorácico, por estresse e transesofágico, endoscopia (digestiva alta), holter, mamografia, MAPA (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial), ressonância, tomografia e ultrassonografia para toda a região. As vagas para os exames são ofertadas via CROSS (Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde do Estado de São Paulo), ou seja, as unidades de saúde precisam solicitar a vaga para a Central, que assim que houver disponibilidade encaminhará para o HRLN.

HRLN é o hospital estadual com mais pacientes da Covid-19 na região

Aberto antecipadamente em março deste ano para dar retaguarda para as cidades de Caraguatatuba, Ubatuba, São Sebastião e Ilhabela durante a pandemia, o Hospital Regional do Litoral Norte contabiliza mais de 320 pacientes já atendidos na sua UTI e Enfermaria com suspeita ou diagnóstico confirmado de Covid-19. Hoje (09/11), o HRLN é o hospital estadual da região do Vale do Paraíba e Litoral Norte com mais pacientes da Covid-19 (suspeitos ou diagnosticados) nos seus leitos: 25 assistidos (15 na UTI e 10 na Enfermaria).

Para oferecer tal atendimento, a unidade conta com 20 leitos de UTI e 10 de Enfermaria exclusivos para esta doença. Além disso, toda a estrutura hospitalar (salas de centro cirúrgico - 6 de alta complexidade e 3 de Hospital Dia, laboratório e Serviço de Apoio à Diagnose e Terapia, SADT - voltado aos mais variados exames) é também utilizada pela equipe clínica para oferecer o atendimento necessário aos pacientes da Covid-19.

O Hospital Regional do Litoral Norte é um serviço da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, gerenciado pelo Instituto Sócrates Guanaes.




ÚLTIMAS NOTÍCIAS