ISG Saúde - Instituto Sócrates Guanaes | isgsaude.org 

Médicos do HRR participam de curso de revisão e atualização em medicina intensiva

28 de OUTUBRO de 2020

Por Mônica Bockor

Com apresentações teóricas e estações de habilidade prática e situações clínicas, foi realizado no Hospital Regional de Registro (HRR) o curso “Fundamentos em Terapia Intensiva” ou FCCS (sigla em inglês para Fundamental Critical Care Support), voltado aos médicos do HRR. Promovido nos dias 24 e 25/10, o curso de revisão e atualização é da Sociedade Norte-Americana de Medicina Intensiva e é franqueado para a AMIB (Associação de Medicina Intensiva Brasileira) no Brasil.
Os 12 médicos do HRR que participaram do curso foram aprovados e receberam o certificado de conclusão. O objetivo do treinamento é preparar melhor os médicos intensivistas e não intensivistas para o atendimento do paciente gravemente enfermo nas primeiras 24 horas, bem como treiná-los para lidar com a deterioração dos pacientes graves de maneira mais eficiente e objetiva. Em Registro, foi ministrado pelos médicos especialistas em Medicina Intensiva da AMIB, Dra. Rosa Goldstein Alheira Rocha e Dr. Marcelo Moock.
“A missão do curso FCCS é promover noções essenciais em Terapia Intensiva para os profissionais para que possam tratar de forma eficaz os pacientes graves antes de sua transferência para a Unidade de Terapia Intensiva ou até o atendimento por um médico intensivista”, explica a Dra. Rosa.
A diretora técnica do HRR, Dra. Manuella Amaral Faria, destaca a importância da atualização para os médicos do hospital. “A busca do saber deve ser incessante na vida médica. Atualizar-se é a reafirmação do compromisso em oferecer saúde de qualidade à população, um dos principais valores do Instituto Sócrates Guanaes”.
A programação do curso inclui os temas Reconhecimento e avaliação do paciente gravemente enfermo; Manuseio das vias aéreas; Ressuscitação cardiopulmonar e cerebral; Diagnóstico e manuseio da insuficiência respiratória aguda; Ventilação mecânica; Monitorização do fluxo sanguíneo, oxigenação e estado ácido-lático; e Diagnóstico e manuseio do choque.
No segundo dia, o curso abordou Síndromes coronarianas agudas; Infecções potencialmente fatais; Manejo básico do trauma; Suporte neurológico; Cuidados intensivos na gravidez e Conduta nos distúrbios eletrolíticos e metabólicos potencialmente fatais.









ÚLTIMAS NOTÍCIAS