ISG Saúde - Instituto Sócrates Guanaes | isgsaude.org 

Serviço Social do HRLN: Unindo pessoas e criando relações de respeito e afeto

15 de MAIO de 2020

Por Thaís Almeida

Em um momento no qual a distância social vem sendo recomendada por questão de saúde pública, se tornou fundamental criar e manter relações de respeito e afeto. E essa é uma das principais funções das assistentes sociais que ajudam a tornar o dia a dia de hospitais mais humanos e acolhedores.

“Nós intermediamos as relações família, paciente, hospital e demais instituições (como UBS, UPAS, etc.). Fazemos isso dentro de uma perspectiva personalizada para cada paciente, observando as necessidades de cada família. Ultimamente, isso tem sido de suma importância. Somos nós que entramos em contato com a família, somos a voz do hospital, ajudamos nas chamadas de vídeo, para que possam trocar afeto e continuar nutrindo suas relações mesmo em tempos de Covid-19”, explicou Débora Alves de Sousa, de 33 anos, que atua há 15 anos na profissão e que hoje trabalha no Hospital Regional do Litoral Norte (HRLN), gerenciado pelo ISG em Caraguá.

O trabalho desenvolvido pelo Serviço Social do HRLN, com objetivo de melhorar as relações, vem gerado elogios ao setor e comovendo familiares e colaboradores.

“Agradeço imensamente pelo presente que recebi da equipe de UTI e da Assistência Social ao realizarem uma chamada de vídeo com minha mãe. Todo o carinho e atenção que venho recebendo dos profissionais tem deixado a minha família menos preocupada e certa de que a minha mãe está sendo bem cuidada”, comentou a filha de uma paciente em contato com a Ouvidoria do Hospital.

“Muitos associam de forma errônea nossa categoria profissional como ‘profissionais que gostam de ajudar’ - na perspectiva da caridade. Ser assistente social é uma profissão de lutas, é saber lidar com o indivíduo na sua totalidade/particularidade, visando oferecer bem-estar, qualidade de vida e a garantia da efetivação dos direitos, com equidade e justiça social”, esclareceram Débora Alves e Bianca Sartori Costa, de 27 anos, que também atua como assistente social do HRLN.

Para todas essas profissionais que são as grandes responsáveis pelas relações mais humanizadas e justas entre todos os envolvidos nas unidades de saúde, o HRLN deseja um feliz Dia da Assistente Social, celebrado no dia 15 de Maio. Vocês são a certeza de que a luta por empatia e amor precisa ser feita diariamente.




ÚLTIMAS NOTÍCIAS