ISG Saúde - Instituto Sócrates Guanaes | isgsaude.orge 

HRR implanta Núcleo de Segurança do Paciente

12 de SETEMBRO de 2019

Com o objetivo de prevenir e reduzir a incidência de eventos adversos no atendimento e na internação, o HRR iniciou a implantação do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP). A apresentação dos integrantes do Núcleo foi realizada na terça-feira, 10 de setembro, pela Coordenadora da Qualidade, Tatiane Alves. 
Ela destacou a importância do grupo para melhorar os processos e fluxos de trabalho, visando qualificar ainda mais o atendimento. “Neste primeiro momento, iremos empoderar os times responsáveis por cada meta internacional de segurança: meta 1 de identificação segura, meta 2 de comunicação efetiva, meta 3 de segurança nas medicações de alta vigilância, meta 4 cirurgia segura, meta 5 de controle de infecções e meta 6 de redução queda”, explicou a Coordenadora. 

A implantação do NSP em todos os hospitais e serviços de saúde foi estabelecida pela Anvisa a partir do Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP), instituído no Brasil pela Portaria GM n°529, de 1 de abril de 2013. Segundo a Anvisa, estudos recentes mostram que a incidência de Eventos Adversos (EA) é alta. A ocorrência deste tipo de incidente no país é de 7,6%, dos quais 66% são considerados evitáveis.O Núcleo de Segurança do Paciente surge como instância promotora de prevenção, controle e mitigação de incidentes, em especial de eventos adversos danosos ao paciente nos serviços de saúde.

É função primordial do NSP a integração das diferentes instâncias que trabalham com riscos no Hospital, considerando o paciente como sujeito e objeto final do cuidado em saúde. Isto é, o paciente necessita estar seguro, independente do processo de cuidado a que ele está submetido. Também é tarefa do NSP promover a articulação dos processos de trabalho e das informações que impactem nos riscos ao paciente.



ÚLTIMAS NOTÍCIAS